Como preparar um currículo

O currículo é o cartão de visita do candidato à vaga de emprego. Ele deve estar atualizado, claro e objetivo. Não se destina à pessoa que o fez, nem a um colega, mas ao mercado de trabalho. Assim, o padrão do mercado é que deve comandar sua elaboração. A elaboração do currículo deve ser focada na vaga pretendida e nas expectativas do empregador; por isso siga algumas dicas:

• Reserve tempo para preparar o currículo
• Tenha em mãos todos os dados necessários
• Datas de início e saída de empregos anteriores
• Informações acadêmicas
• Cursos e eventos em que participou
• Direcione as informações para a vaga / área pretendida
• Seja objetivo
• Revise várias vezes para evitar erros de português
• Exponha seu objetivo de acordo com a vaga pretendida

Evite no currículo

• Informações desatualizadas
• Informações incompletas
• Escrever demais
• Desleixo
• Uso de pronomes pessoais “eu desenvolvi um projeto”, substitua por “desenvolvimento de projeto”
• Foto
• Exagerar nos enfeites
• Jamais faça o currículo a mão
• Pretensão salarial
• Se você não possui algum tipo de conhecimento (ex. idiomas), não coloque
• Citar detalhes dos dados pessoais: RG, carteira de habilitação e CPF e etc.
• Não assine o currículo
• Não citar hobbies

Deve ser separado da seguinte forma

• Dados pessoais básicos: Nome completo, endereço completo, telefone (residencial, celular, ou para recado quando necessário e devidamente identificado). Coloque o nome em destaque, com letras maiúsculas, no topo da página, centralizado.

• Objetivo: Escrever de forma direta e objetiva. Ex: Administração, vendas. Afinal nenhum profissional faria qualquer trabalho, todos devem ter suas preferências, interesses e competências mais específicos.

• Formação acadêmica ou Escolaridade: Deve-se conter nome da instituição, o último grau obtido e ano de conclusão (mesmo que ainda não tenha concluído)

• Experiência Profissional: Em ordem decrescente, ou seja, do último ou mais recente para os primeiros, mais antigos. Na menção de cada empresa em que trabalhou posição ocupada, a data ou período deve vir primeiro, pois isso facilita a leitura que o selecionador irá fazer. Nessa parte, deve constar uma breve descrição do ramo de atividade da empresa seguido das principais realizações profissionais do candidato, o cargo ocupado e as atividades executadas de forma sucinta e clara.

• Cursos Complementares e Palestras: citar da mesma forma que no item “Formação Pretendida” e desde que tenham relação com o cargo pretendido.

• Formato e aparência do currículo: antes de escrever o modelo final, revise-o com duas ou três pessoas para checar as informações e verificar a correção ortográfica. Erros de português, gramaticais, ortográficos ou de concordância, comprometem seriamente o currículo. Peça ajuda!

Basicamente, o que um empregador quer saber de você quando olha o seu currículo são:

Onde você já trabalhou?
O que você já fez por outra empresa?
O que pode fazer pela empresa dele?

Fonte: Prefeitura de São Paulo